terça-feira, 19 de outubro de 2010

NO CINE: Comer rezar amar só cumpre o que promete

“Comer Rezar Amar” (2010) é um filme que aguça a vontade de viajar, experimentar culturas novas e conhecer o mundo. E além de tudo, cumpre o que promete, pois a sua personagem vai comer, rezar e amar durante a trama.

Adaptação do livro best-seller homônimo, o filme é abarrotado de clichês. (Até hoje eu ainda não entendi como todo mundo sempre sabe falar inglês.) Com a direção de Ryan Murphy (Criador da série “Glee”), “Comer Rezar Amar” mostra a história de superação de um mulher que era infeliz, mas após essa viagem, ela encontra seu equilíbrio e começa uma vida nova. 

Assim conhecemos Liz Gilbert (Julia Roberts), uma mulher que possui o que todo mundo quer, mas se encontra infeliz. Depois de muito pensar, Liz decide embarcar em uma viagem de autoconhecimento. E para todo final feliz, precisamos de um começo triste: o divórcio. Procurando suas explicações, ela vai descobrir na Itália, o gosto pela gastronomia e o “prazer de não fazer nada”. Na Índia, o poder da oração e o contato com Deus. E na Indonésia, Liz finalmente encontra seu equilíbrio e também um amor.

Apesar da grande presença do sotaque inglês no nosso idioma, tudo estava indo muito bem até que: é comum os pais saírem beijando os filhos na boca aqui no Brasil? Até quando o filho tem mais de 18? Bom, eu nunca vi isso, não. Mas é assim que a gente tem que aprender a nossa cultura: nas salas de cinema de filmes americanos cheios de clichê e conceitos pré-concebidos. Mas, pequenas restrições à parte, o filme se enquadra em seu gênero. Para quem gosta: aproveite!

Estrelas


18 comentários:

  1. Nada além do que eu já esperava. Vou esperar sair em DVD pra assistir com a patroa =)

    abs. João Linno

    >>> mosaicultural.com

    ResponderExcluir
  2. Louca para conferir...mas cadê o tempo aff...bjs, lindona!

    ResponderExcluir
  3. Gostei desse filme...mas nada muito empolgante mesmo..to te seguindo no twiter

    ResponderExcluir
  4. nao posso fazer comentario, vou assistir quinta feira ! mas o livro mtooo boom !
    a sobre o filme tropa de elite adoreeei viu ? valw pela dica !
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Eu até gostei do filme, é divertido e tal.

    ResponderExcluir
  6. huum.. to louca pra ver!!!!!

    :)

    Bjão!!

    ResponderExcluir
  7. Olá retornando a visitinha.
    Estou muito anciosa pra ler o livro e assistir ao filme tbm.

    Xero.

    ResponderExcluir
  8. Eu quero mto assistir este filme!!!
    mas ta sempre lotado o cine...

    beijao

    ResponderExcluir
  9. Acho que esse filme não faz meu estilo, não me chamou atençao nem pelo nome. =/
    Não sei se devo assistir, odeio filmes românticos.
    Beijos.

    www.deliriosdeconsumista.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Eu não assisti ao filme - e provavelmente não assistirei - e nem li o livro - que provavelmente não lerei rsrs - mas ouvi e li alguns comentários sobre o filme e disseram que há uma diferença da obra literária e que fez falta, a "transição" ocorrida entre o divórcio e sua primeira viagem. Bom, em se tratando de cinema, os roteiristas devem ter dado um jeito para adaptar tal situação à linguagem cinematográfica.

    Acho que para saber mais só mesmo lendo e assistindo a tais produtos.

    Abs!

    ResponderExcluir
  11. Vanessa,
    Eu assisti ao filme, mas fiquei meio decepcionada. Esperava um pouquinho mais. Bjo

    ResponderExcluir
  12. tenho muita vontade de ler o livro, mas naum de ver o filme... não vi muitos comentários positivos... xD
    bjusss

    ResponderExcluir
  13. Humm pelo visto vc nao achou mto bom nao ne? Mas quero ver... deve ser aquele "legalzinho" hehe
    Mas vou esperar pra ver em DVD
    Beijoo

    ResponderExcluir
  14. Tenho interesse nesse filme não.
    ehehehehe

    ResponderExcluir
  15. Ainda não vi o filme. Mas assim qu der vou ver.
    Bjs

    ResponderExcluir
  16. Estou louuuuca pra comer, rezar e amar om a Julia Roberts. Não li o livro mas estou esperando ansiosamente o filme. A propósito, qto tempo sem passar aqui, hein?

    Saudades, Allana
    www.cool-closet.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Achei o filme simpático, Julia Roberts foi a atriz ideal para o papel, mas não sou fã de filmes auto-ajuda.

    Comer rezar amar peca no excesso de clichês. Vi que a crítica italiana ficou furiosa com o filme e como brasileira também não curti o filme.

    O papel de Javier Bardem é ridículo, só faltou tocar Garota de Ipanema quando aparecia na tela. Bardem é um ótimo ator, não entendo porque participou desse filme.

    Também escrevi uma crítica sobre o filme no meu blog de cinema, se quiser trocar idéias é só clicar no link: http://peliculacriativa.blogspot.com/2010/10/review-eat-pray-love.html

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails